À medida que as comunidades de todo o mundo se debatem com os impactos devastadores das catástrofes naturais e a pandemia de COVID-19 em curso, a Airbnb lança a Airbnb.org, uma organização sem fins lucrativos independente dedicada a facultar alojamentos temporários a pessoas em tempos de crise.

A inspiração para a Airbnb.org começou em 2012, quando uma anfitriã chamada Shell abriu as portas da sua casa às pessoas afetadas pelo Furacão Sandy. Esta iniciativa marcou o início de um programa que permite aos anfitriões da Airbnb oferecer estadias àqueles que mais necessitam.

Desde então, o programa evoluiu e também inclui ajuda na crise de COVID-19: este ano, mais de 100 mil anfitriões ofereceram-se para abrir as suas portas e ajudaram a fornecer alojamento a 75 mil pessoas necessitadas.

A Airbnb.org estabelecerá uma parceria com a Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho (IFRC) e a Community Organized Relief Effort (CORE) para apoiar os esforços de resposta a emergências em todo o mundo e proporcionar alojamentos aos trabalhadores essenciais e voluntários que lutam contra a propagação do COVID-19.

"A Airbnb.org é uma prova da generosidade da nossa comunidade e do poder de uma ideia que começou com uma anfitriã há oito anos e se transformou num movimento de compaixão e hospitalidade", disse Joe Gebbia, cofundador da Airbnb e Presidente do
Conselho de Administração da Airbnb.org. "Fundar e apoiar a Airbnb.org permite-nos duplicar os nossos esforços para ajudar as comunidades carenciadas em todo o mundo em coordenação com os nossos parceiros, incluindo a IFRC e a CORE, para ampliar ainda mais a generosidade da nossa comunidade de anfitriões."

Os compromissos iniciais da Airbnb.org incluem $2 milhões para a Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho (IFRC) e para o Community Organized Relief Effort (CORE). Sendo que 1 milhão é para cobrir estadias do pessoal e voluntários da IFRC que ajudam a prevenir a propagação da COVID-19 nas comunidades em todo o mundo e o outro milhão para o CORE financiar estadias para trabalhadores humanitários que realizam testes de COVID-19 gratuitos, rastreio de contactos, vacinação contra a gripe e coordenação de recursos para apoio durante a quarentena.

Para assegurar que as doações da comunidade vão mais longe e ajudam a abrigar pessoas em tempos de crise, a Airbnb destinou 400 mil ações da Airbnb para apoiar os programas de emergência, desastres naturais e resposta aos refugiados da organização. Brian Chesky, Joe Gebbia e Nate Blecharczyk, co-fundadores da Airbnb, comprometem-se a disponibilizar 6 milhões de dólares.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.