1 evento. 35 quartos. 24 tapetes de yoga. 15 cocktails. 1 galeria de arte. 1 hóspede. O hotel Esqina Cosmopolitan Lodge cria a inauguração mais segura de sempre sob o mote “Opening Just For One”, com um programa dedicado a um único hóspede apenas.

Depois de ter estado 3 meses encerrado, em virtude da pandemia, o hotel Esqina Cosmopolitan Lodge reabre portas no próximo dia 24 de julho, com uma inauguração muito particular: um conjunto de experiências reservadas para um único hóspede.

Perante as limitações impostas pela Covid-19, e dando continuidade ao génio criativo que marca a atividade do hotel desde que este abriu portas, o Esqina optou por organizar um evento de inauguração para uma das pessoas que tinham feito reservas no hotel antes da pandemia.

É assim que, selecionado ao acaso, Nicoläs Villamizar é o primeiro hóspede da nova vida de uma das mais aclamadas coqueluches do panorama hoteleiro lisboeta.

Depois de ter visto a sua reserva suspensa devido ao novo coronavírus, e o consequente encerramento temporário do Esqina, Nicoläs recebeu o e-mail que o vinha desafiar a viver esta experiência única: a possibilidade de escolher o seu quarto favorito dos 35 que o hotel tem disponíveis; em qual dos 15 lugares de refeição vai querer tomar o seu pequeno-almoço; praticar yoga como se estivesse em sua casa; beber a sua bebida favorita preparada no momento e especialmente, e apenas, para ele; e ver uma exposição de arte na galeria do hotel, sem multidões e sem interrupções.

Depois de perceber que Nicoläs Villamizar é, na verdade, um artista, a equipa do Esqina decidiu, ainda, convidá-lo a transformar esta celebração ‘just for one’ numa experiência ‘for everyone’.

Através da criação de uma pintura numa das paredes da galeria de arte do hotel, com a mensagem “Now Opening For Everyone”, Nicoläs convida toda a gente a vir conhecer o novo espaço do Esqina.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.